24.8.09

conversa de família

depois de chegar em casa, domingo à noite, sem ver sua mãe desde sexta feira, a progenitora indaga:
- e aí, filha, tudo bem?
e a cria responde:
-tudo sim, mãe, e com você?
depois de cerca de três frases de conversa social, chega-se ao tema:
- pô, mãe, tomei vodka belga hoje.
a resposta:
- é? e eu tomei cerveja tcheca! imagina todo o gosto da cerveja sem aquele amargo ruim que tem normalmente...
- ah, mas aí nem é cerveja, cerveja é amarga. a vodka que eu tomei era tão suave que se colocasse gelo ficara muito aguada e intragável.
a conversa se extendeu por alguns minutos sobre a propriedade amarga da cerveja e terminou com um filme bem dramático.





- adoro minha família.

5 comentários:

Babi Reis disse...

Puuuxa! huhuhuahuahua...

Esse é o tipo de conversa que eu jamais teria com a minha progenitora, depois de passar quase 3 dias fora de casa... a conversa começaria assim:

- Onde você estava sua filha da putaa???!!!! auahuuahhua....

xD

Beijos!

Praguejento disse...

Que bonitinho que vcs se dão bem.
Por isso costuma dizer-se por aí: O álcool aproxima as pessoas.

Ju disse...

Tulipa do meu jardim de rosas. Amulhi.

Luli disse...

Jô, que família com coisas em comum =D

tempo que nao falo com vc, tempos que nao te vejo!
E ai tah em sampa ou já ta no interior?
BeijOs otima semana!!

Edilson Marques disse...

Ainda posto um diálogo sobre álcool com meu pai...